desenho com o logo da série Segredos de OsGemeos

OsGemeos: Segredos - A Série

A Pinacoteca de São Paulo, museu da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, apresenta para o público a inédita série audiovisual Segredos que aborda a origem, essência e perspectivas do hip hop paulista.

A produção é um projeto idealizado pelos artistas OSGEMEOS, Gustavo e Otávio Pandolfo, e conta com 4 episódios, sendo aproximadamente 20 minutos cada, que serão disponibilizados gratuitamente todas as quintas-feiras às 20h, a partir do dia 10 de junho no canal do YouTube da Pinacoteca.

Após o tour virtual e a visita educativa online, ambos já disponíveis no site do museu, a série documental é mais um desdobramento da exitosa exposição OSGEMEOS: Segredos em cartaz até 09 de agosto de 2021 na Pinacoteca de São Paulo. Os episódios foram gravados de modo a revelar para os espectadores a passagem dos artistas pela história do hip hop no início dos anos 1980 e também as histórias e vivências dos protagonistas que fizeram e fazem parte desse movimento. Além de aproximar o público com o seu universo criativo, os vídeos também têm a intenção de incentivar outros jovens brasileiros a conhecerem e se aproximarem das manifestações artísticas de rua e seguir na busca de sua própria identidade, podendo até mesmo transformar a sua realidade. Por isso, além do canal do YouTube da Pinacoteca de São Paulo, o material será amplamente divulgado para a rede de professores e escolas estaduais e particulares, atingindo um grande número de jovens de todo o país.

“Gustavo e Otávio cresceram no bairro do Cambuci, na região central de São Paulo, e foram envolvidos pela cena hip hop local no início dos anos 1980, quando começaram a dançar break e a grafitar. Desde criança eram frequentadores do Largo São Bento, berço da difusão do movimento hip hop pelo país, e desdobraram essas influências em múltiplas linguagens artísticas que podem ser vistas na ampla exposição em cartaz na Pinacoteca de São Paulo e nos seus trabalhos pelo mundo”, conta Jochen Volz, diretor-geral da Pinacoteca de São Paulo.

Influenciado por este contexto, a série documental Segredos parte da própria trajetória dos irmãos para demonstrar didaticamente como o hip hop se transformou em uma das manifestações artísticas e culturais mais relevantes no Brasil, influenciando a música, a arte, a moda, os costumes e claro, a dança.  Os episódios foram gravados em um cenário que simula um vagão de metrô, construído pelos próprios artistas em seu atelier. Dentro do veículo, figuras icônicas da cena cultural se encontram para revelar segredos e discutir as origens, o presente e o legado de um estilo que começou nos Estados Unidos e atualmente impacta a vida de milhares de pessoas no Brasil.

O roteiro obedece a lógica de uma viagem de trem de uma grande cidade; a cada parada, o telespectador é transportado para um fragmento do universo hip hop a partir de entrevistas com MC’S, DJ’S, dançarinos de breaking e artistas do Graffiti conduzidos pela dupla OSGEMEOS. Os convidados são: DJ’S – Erick Jay, DJ HUM, KL Jay, Lisa Bueno e Ninja; BREAK – Alam Beat, B-boy Neguin, B-boy Pelezinho, B-Girl Fabi Girl, Nelson Triunfo, Ricardinho; GRAFFITI – Binho, Doze Green, Gueto, ISE, Pran, Soberana Ziza, Speto, Tinho, Venus, Vitché; MC’S: Bivolt, Edi Rock, Ice Blue, Jack e Thaíde.

“Desde o início, quando começamos a imaginar a exposição “Segredos”, nossa ideia era produzir uma série de entrevistas na qual fosse possível compartilhar a história de alguns dos principais expoentes da cultura Hip Hop nacional e internacional. Essa minissérie é um projeto super especial nosso com a Pinacoteca de São Paulo. Uma viagem de “trem” ao tempo. Uma troca de aprendizados, histórias e descobertas que transitam entre nossas primeiras vivências com o hip hop quando crianças no Cambuci, por influência das turmas do Portal e Fantastic Break, até os dias de hoje. Acreditamos na educação e no poder da arte como transformação. Que essas janelas sejam o começo de uma longa jornada e que possamos dar continuidade a esse projeto. “, afirma OSGEMEOS.

A série foi produzida pela Pinacoteca de São Paulo, dirigida por Vinicius Colé em parceria com as produtoras Porqueeu Filmes, Bicho, Tilt e Core.

O projeto conta com patrocínio do Iguatemi São Paulo via Programa Municipal de Apoio a Projetos Culturais (Pro-Mac).


Sinopse: O nascimento do Hip Hop em São Paulo. Um resumo pelas trajetórias e origens individuais de alguns personagens até o encontro de todos os caminhos na histórica Estação São Bento. Convidados neste episódio: Rooney, Nelson Triunfo, Alam Beat, Ricardinho Electric Boogies, Thaíde, MC Jack, DJ KL Jay, DJ Hum e DJ Ninja.

Sinopse: Um resumo da explosão criativa e cultural que nasce a partir do movimento da São Bento. O papel primordial que o Hip Hop teve como uma cultura de integração e as possibilidades que o movimento ofereceu aos jovens das décadas de 80 e 90 de vivenciar múltiplas expressões artísticas. A evolução do hip hop e os desafios que os personagens superaram para chegar no topo.
Convidados neste episódio: 
Doze Green, Lisa Bueno, Speto, Binho, Tinho, Vitché, ISE, DJ Erick Jay e Rooney.

Sinopse: Conheça a nova geração e saiba como o Hip Hop é importante na missão de unir e salvar vidas, as semelhanças e diferenças entre passado e futuro. O que a nova geração está fazendo para continuar o legado? Convidados neste episódio: Venus, Bivolt, Soberana Ziza, Gueto, Pran, B-boy Pelezinho, B-boy Neguin e B-Girl Fabi Girl.

Sinopse: Um episódio mais filosófico, onde os personagens compartilham suas percepções, falam de seus processos criativos, mostram caminhos e dão conselhos para quem está pensando em entrar para esse universpisóo. Convidados neste edio: todos os artistas. Apresentação: OSGEMEOS. Convidados: DJ’S:  DJ HUM, Ninja, Erick Jay, KL Jay, Lisa Bueno. BREAKDANCE: Nelson Triunfo, Alam Beat, Ricardinho Electric Boogies, B-boy Pelezinho, B-boy Neguin, B-Girl Fabi Girl. GRAFFITI: Doze Green, Soberana Ziza, Venus, Gueto, Speto, Tinho, Binho, ISE, Vitché, Pran. MC’S:  Jack, Thaíde, Ice Blue, Edi Rock, Bivolt.


Sobre OsGemeos
Projetos recentes da dupla incluem exposições individuais em: Frost Art Museum (Nashville, 2019), Hamburger Bahnhof (em colaboração com Flying Steps) (Berlim, 2019), Mattress Factory (Pittsburgh, 2018), Pirelli HangarBicocca (Milão, 2016), Museu Casa do Pontal (Rio de Janeiro, 2015), ICA – The Institute of Contemporary Art (Boston, 2012). Suas obras integram coleções importantes ao redor do mundo, como: MOT (Tóquio), Franks-Suss Collection (Londres), MAM-SP (São Paulo), Pinacoteca do Estado de São Paulo (São Paulo), Museu Casa do Pontal (Rio de Janeiro).

Texto: Pinacoteca

Veja mais novidades aqui