Cinema e Realidade Virtual se desdobram na conferência Besides the Screen

Sétima edição do evento aproxima as novas tecnologias de imagem imersiva da tradição do cinema experimental.

 Entre o fim de Maio e o início de Junho, a conferência internacional Besides the Screen traz ao Brasil palestras, painéis, performances e trabalhos artísticos que exploram novas e velhas tecnologias audiovisuais. Com o tema Desdobrando Imagens: Realidade Virtual, Cinema Volumétrico e Controle de Espaços, o evento busca abranger tanto o modo como a realidade virtual renova o meio cinematográfico quanto cria novas formas de controle territorial e cognitivo.

O evento contará com apresentações de pesquisadores dos Estados Unidos, Canadá, Itália, Inglaterra, Eslovênia, Nova Zelândia e de vários estados do Brasil. Um dos palestrantes em destaque é Michael Naimark, pioneiro que vem pela primeira vez ao país falar sobre seu trabalho e sobre o estado da arte da realidade virtual. Michael é um misto raro de pesquisador, artista e inventor, sendo autor de mais de 16 patentes de câmeras e displays, e tendo participado de mais de 300 exposições e mostras de arte por todo mundo. Em 2015, foi também o primeiro artista residente da Google, atuando no seu recém-criado departamento de realidade virtual.

Joanna Zylinska, professora titular de Goldsmiths, Universidade de Londres, trará ao evento contribuições sobre as formas de fotografia não-humana utilizadas para a construção de espaços cotidianos, do Google Earth aos sistemas de reconhecimento facial empregados nas redes sociais. Joanna, que já trabalhou com temas ligados à biotecnologia e ao antropoceno, adiantará na sua palestra resultados de pesquisa que serão publicados no seu próximo livro, a ser lançado pela MIT Press no fim deste ano.

Entre os trabalhos de arte apresentados durante o evento está Zero Days VR (Scatter, 2017), documentário em realidade virtual sobre o ciberataque perpetrado contra as usinas nucleares iranianas. O filme estreou no último festival de cinema de Sundance e terá sua primeira exibição fora dos EUA durante a conferência. A sua produtora Mei-Ling Wong estará presente para falar sobre o processo de realização e apresentar formas de cinema volumétrico.

Além disso, Besides the Screen conta com uma programação de performances e projeções, que reúnem desde um clássico do cinema expandido como Line Describing a Cone (Anthony McCall, 1973) até uma mostra de vídeos 360o. Nesta última atividade, o público poderá utilizar visores imersivos para ver trabalhos como o documentário Rio de Lama, do videasta brasileiro Tadeu Jungle, sobre a tragédia do Rio Doce, e reportagens da equipe jornalística da Vice Brasil sobre diversos temas de relevância sócio-política.

As atividades que compõem o evento acontecem na Universidade Federal do Espírito Santo, em Vitória/ES. Todas são completamente gratuitas. As palestras internacionais terão tradução simultânea. Para obter mais informações e se inscrever, basta acessar o site besidesthescreen.com.

A conferência Besides the Screen acontece desde 2010, alternadamente no Brasil e no Reino Unido. O evento é realizado por uma rede mundial de pesquisadores interessados na investigação experimental e transdisciplinar de diversas formas de cinema, arte e tecnologia. Edições passadas já exploraram temas como a projeção, a pirataria, e a curadoria de meios audiovisuais. Essa sétima edição do evento conta com financiamento do CNPq, da FAPES, do Funcultura / SECULT-ES, e apoio do Baile, GAP, GEXS, Ladart Filmes, Pixxfluxx, De Montfort University, King's College London.


Serviço:

O que:  Conferência Besides the Screen 2017 - Desdobrando Imagens: Realidade Virtual, Cinema Volumétrico e Controle de Espaços
Quando: Dias 31 de Maio a 02 de Junho
Onde: Cine Metrópolis e Galeria de Arte e Pesquisa, Campus Goiabeiras / Ufes (Vitória/ES)
Quanto: Gratuito
Programação completa: besidesthescreen.com
Facebook: https://goo.gl/cSRDWY

Nossos Parceiros

Sobre o DNA Urbano

É um site que cria uma interlocução direta com seu público e com projetos culturais da cidade que tenham entre suas atribuições a valorização e o fortalecimento das culturas juvenis urbanas.

As RUAS, nas REDES...
Somos Mídia Livre!

Contato

Sugestões, Elogios, Dúvidas e Parcerias:

 

email
(27)999.918.819

Licença de Uso

Todo conteúdo do DNA Urbano é livre para reprodução, seja ela total ou parcial, para fins pessoais, comerciais ou educacionais, desde que citem as devidas fontes (nome do site, seguido do link do conteúdo em questão).

Manter os devidos créditos é também uma forma de incentivar o trabalho dos autores de conteúdo.

Top Cron Job Iniciado